IFE
27/06/2023

IFE Armazenamento: Usinas Reversíveis e Baterias 46

Assinatura:
Equipe de Pesquisa UFRJ
Editor: Prof. Nivalde J. de Castro (nivalde@ufrj.br)
Subeditores: Fabiano Lacombe e Vinicius Botelho
Pesquisadores: Cristina Rosa e Felipe Gama
Assistente de pesquisa: Sérgio Silva

IFE
27/06/2023

IFE nº 46

Assinatura:
Equipe de Pesquisa UFRJ
Editor: Prof. Nivalde J. de Castro (nivalde@ufrj.br)
Subeditores: Fabiano Lacombe e Vinicius Botelho
Pesquisadores: Cristina Rosa e Felipe Gama
Assistente de pesquisa: Sérgio Silva

Ver índice

IFE Armazenamento: Usinas Reversíveis e Baterias 46

Políticas Públicas e Financiamentos

Chile: Governo planeja investimento em armazenamento de larga-escala 

O governo do Chile planeja lançar um projeto de lei este ano para investir US$ 2 bilhões em sistemas de armazenamento de energia em larga escala, que começarão a operar em 2026. Esta iniciativa visa enfrentar o desafio de integrar a crescente capacidade de energia renovável do país. O presidente Gabriel Boric enfatizou a importância de armazenar energia solar e eólica e estabelecer linhas de transmissão para atingir a neutralidade de carbono antes de 2050. Além disso, o país já aprovou uma lei no ano passado para facilitar a participação de sistemas de armazenamento de energia em larga escala no mercado de eletricidade e, recentemente, foi lançada uma licitação para 5.400MWh de armazenamento de energia e energias renováveis não variáveis, com entregas previstas para 2027 e 2028. (Energy Storage News - 06.06.2023) 
Link Externo

Eslovênia: União Europeia aprova subsídios de €150 milhões para renováveis e armazenamento de energia para o país

A Comissão Europeia aprovou um auxílio estatal de € 150 milhões para energia renovável e armazenamento de energia na Eslovênia. O auxílio irá fornecer até 25 milhões de euros por beneficiário para acelerar os investimentos na produção e armazenamento de energia renovável, com o objetivo de promover a transição para uma economia neutra em emissões de carbono. A Eslovênia já possui projetos de armazenamento de bateria em escala de rede em andamento e está testando um programa de sincronização de rede transfronteiriça com armazenamento de energia em bateria na Croácia, parcialmente financiado pela UE. (Energy Storage News - 12.06.2023) 
Link Externo

Espanha: País destina subsídios para 600 MW de armazenamento de energia

O governo da Espanha está fornecendo €160 milhões em subsídios para projetos de armazenamento de energia, com o objetivo de financiar 600 MW de projetos que entrarão em operação em 2026. O Ministério da Transição Ecológica e do Desafio Demográfico (MITECO) abriu uma consulta pública sobre o esquema de subsídios, buscando comentários sobre a proposta. As propostas vencedoras serão selecionadas no último trimestre de 2023, e os projetos devem entrar em operação até 30 de junho de 2026. Estes subsídios estão alinhados com a meta da Espanha de alcançar 20 GW de novos sistemas de armazenamento de energia até 2030. (Energy Storage News - 07.06.2023)
Link Externo

EUA: Spearmint Energy garante empréstimo de US$200 milhões para desenvolvimento de portfólio de armazenamento de energia em baterias

A empresa de energia renovável Spearmint Energy anunciou o fechamento de uma linha de crédito de US$200 milhões com a Aiga Capital Partners. O empréstimo apoiará o desenvolvimento de projetos de armazenamento de energia em baterias (BESS, sigla em inglês) da Spearmint, incluindo um projeto de 300 MWh chamado Revolution e três projetos com capacidade alvo de 300 MW cada, conhecidos como Nomadic, no mercado de energia ERCOT, no Texas. A transação marca um marco significativo para a empresa, permitindo a aceleração da construção de projetos em desenvolvimento e o fornecimento confiável de energia renovável para a rede elétrica. (Electric Energy Online - 13.06.2023) 
Link Externo

EUA: Governo destina US$192 milhões para impulsionar reciclagem de baterias

O Departamento de Energia dos Estados Unidos (DOE, da sigla em inglês) anunciou mais de US$192 milhões em novos financiamentos para a reciclagem de baterias de produtos de consumo, o lançamento de um consórcio avançado de pesquisa e desenvolvimento de baterias e a continuação do Prêmio de Reciclagem de Baterias de Íon de Lítio. Com a demanda por veículos elétricos e armazenamento de energia estacionária projetada para aumentar o mercado de baterias de lítio em até dez vezes até 2030, é essencial investir na reciclagem sustentável e de baixo custo de baterias de consumo para apoiar uma cadeia de suprimentos doméstica segura, resiliente e circular para materiais críticos. O anúncio apoia a meta da Administração Biden-Harris de que os veículos elétricos representem metade das vendas de veículos nos Estados Unidos até 2030 e se baseia nos quase US$3 bilhões anunciados até o momento pela Lei de Infraestrutura Bipartidária do Presidente Biden para tecnologias de veículos elétricos e baterias. (Electric Energy Online - 13.06.2023)
Link Externo

EUA: DOE aprova empréstimo de US$ 850 milhões para fábrica da Kore Power no Arizona

A empresa americana de armazenamento de energia, Kore Power, recebeu um compromisso condicional do Departamento de Energia dos Estados Unidos (DOE, sigla em inglês) para um empréstimo de US$ 850 milhões para sua fábrica no estado do Arizona. A fábrica, chamada KOREPlex, produzirá células de bateria de lítio NMC e LFP, com entregas aos clientes previstas para o final de 2024 e início de 2025. A instalação terá capacidade de produção anual de 6 GWh, com potencial para aumentar para 12 GWh. A fábrica atenderá tanto o setor de veículos elétricos quanto o setor de sistemas de armazenamento de energia em baterias (BESS, sigla em inglês). O apoio do DOE permitirá que a KORE expanda sua liderança nos setores de armazenamento de energia e mobilidade elétrica nos EUA, impulsionando a transição energética com produtos americanos. (Energy Storage News - 12.06.2023) 
Link Externo

Projetos de Armazenamento de Energia em Larga Escala

Espanha: REINCAN colocará a usina hidrelétrica reversível Salto de Chira em operação até 2027

A Red Electrica Infraestructuras en Canarias (REINCAN) colocará em operação a usina hidrelétrica reversível (UHR) Salto de Chira, em Gran Canaria, Espanha, até 2027. A UHR, terá potência de 200MW e uma capacidade de armazenamento de energia de 3,5 GWh. Destaca-se que este é o primeiro projeto de armazenamento de energia desenvolvido nas Ilhas Canárias e ele aumentará o potencial de participação da geração de energia renovável na região em 37% e compensará as emissões anuais de CO2 em 20%. Isso aumentará a segurança do fornecimento de energia na região e contribuirá para alcançar US$ 139 milhões de economia anual em custos variáveis de geração, minimizando a dependência de importações de energia. Além disso, a expectativa é que o projeto gere mais de 4.300 empregos durante a construção. (Power Technology – 09.06.2023) 
Link Externo

Estônia: País anuncia lançamento de projeto de armazenamento de energia em bateria em escala de rede através de licitação para o próximo ano

A Eesti Energia, uma empresa de serviços públicos sediada na Estônia, anunciou que instalará o primeiro sistema de armazenamento de energia em escala de rede (BESS, sigla em inglês) do país. A empresa abriu um processo de licitação internacional para seu primeiro BESS de 25 MW/50 MWh, com o objetivo de determinar a viabilidade da tecnologia para implantação em escala na Estônia e nos outros mercados atendidos pela Eesti Energia. O BESS será instalado em Ida-Viru, que possui ricos depósitos de xisto betuminoso, e se alinha com a meta da empresa em reduzir sua produção de eletricidade a partir de xisto até 2030 e, até 2040, reconfigurar seus negócios relacionados ao xisto para produzir matérias-primas para a indústria química. Desta forma, o armazenamento de energia será fundamental para facilitar a adoção rápida de energias renováveis. A Estônia também está desenvolvendo uma usina de armazenamento de energia hidrelétrica bombeada (PHES) e segue o caminho de outros países bálticos, como a Lituânia, na implementação de tecnologia BESS. (Energy Storage News - 01.06.2023) 
Link Externo

EUA: Redflow fornecerá sistema de armazenamento em bateria de fluxo de 20 MWh na Califórnia

A Comissão de Energia da Califórnia escolheu a Redflow para construir um sistema de armazenamento de energia em bateria de fluxo de 20 MWh perto da cidade de Corning. Este sistema ajudará a alimentar o Rolling Hills Casino, parte de uma comunidade indígena conhecido como Nomlaki em Corning, Califórnia. Com este novo projeto, a Redflow se junta a um pequeno número de provedores de armazenamento de energia que não utiliza as tradicionais baterias de íon-lítio, buscando criar um portfólio robusto de projetos de armazenamento de energia de longa duração. Nesse caso, as baterias Redflow ZBM3 podem fornecer energia por até 12 horas. (Clean Technica – 02.06.2023) 
Link Externo

Índia: NHDC construirá usina hidrelétrica reversível de 525 MW em Madhya Pradesh

A Narmada Hydroelectric Development Corporation (NHDC) anunciou seus planos para a construção de uma usina hidrelétrica reversível (UHR) de 525 MW em Madhya Pradesh, Índia, localizado próximo à Represa Indira Sagar, em Khandwa, Madhya Pradesh. Este projeto fará uso dos reservatórios existentes do Projeto Indira Sagar, ou seja, os reservatórios Indira Sagar e Omkareshwar. O principal objetivo dessa iniciativa é suprir as demandas de pico de energia da região. Vale destacar que o Departamento de Energia Nova e Renovável do Governo de Madhya Pradesh concedeu esse projeto à NHDC, cujo valor orçado é de Rs. 4.200 crores. (Quarteirão Solar – 12.06.2023) 
Link Externo

Índia: SJVN anuncia planos para projetos de usinas hidrelétricas reversíveis

Após receber a designação do governo indiano para 10 projetos de Usinas Hidrelétricas Reversíveis (UHRs), a SJVN, uma empresa hidrelétrica indiana, divulgou seus planos para o desenvolvimento dos projetos com uma capacidade total de 5 GW, nos próximos 7 a 10 anos, por meio de um investimento de Rs 50.000 crore. Essa iniciativa tem como propósito fortalecer a infraestrutura de energia renovável do país, oferecendo soluções eficientes de armazenamento de energia, além de aprimorar a estabilidade da rede elétrica e permitir uma maior integração de fontes de energia renovável. (Quarteirão Solar – 24.05.2023) 
Link Externo

Índia: Torrent Power instalará conjunto de usinas hidrelétricas reversíveis somando 5,7 GW em Maharashtra

A Torrent Power, concessionária integrada do setor privado na Índia, assinou um acordo com o governo do estado de Maharashtra para desenvolver três projetos de usinas hidrelétricas reversíveis (UHRs), agregando uma capacidade de 5,7 GW, dispostos da seguinte forma: Karjat (3 GW) no distrito de Raigarh, Maval (1,2 GW) e Junnar (1,5 GW) no distrito de Pune. Os projetos envolverão um investimento estimado de US$ 3,27 bilhões e darão emprego a cerca de 13.500 pessoas durante a fase de construção, que tem estimativa de um período de cinco anos. (PV Magazine – 07.06.2023) 
Link Externo

Artigos e Estudos

“A Review of Pumped Hydro Storage Systems”

O artigo “A Review of Pumped Hydro Storage Systems” tem como principal objetivo apresentar uma revisão abrangente das Usinas Hidrelétricas Reversíveis (UHRs), uma tecnologia comprovada e madura que atraiu interesse significativo nos últimos anos. Para isso, o estudo abrange os princípios fundamentais, considerações de projeto e várias configurações de sistemas UHR, incluindo projetos de ciclo aberto, ciclo fechado e híbridos. Em suma, os resultados deste estudo mostram uma perspectiva sobre os desafios e oportunidades que os sistemas PHS apresentam, destacando seu potencial para contribuir significativamente para um futuro energético sustentável e confiável. (MPDI – 14.05.2023) 
Link Externo

“New Conceptions and Constructive Methods for Pumped Storage Hydropower Plants”

O artigo “New Conceptions and Constructive Methods for Pumped Storage Hydropower Plants” tem como principal objetivo apresentar uma aplicação inicial da modelagem numérica como ferramenta para verificar novas concepções e métodos construtivos para Usinas Hidrelétricas Reversíveis (UHRs) verificando as possibilidades de uso da impressão 3D. Para isso, o estudo explora novas concepções de design com o auxílio da modelagem numérica de duas formas: (i) durante as fases iniciais, considerando o fenômeno da hidratação; (ii) após o endurecimento do betão verificando a integridade da estrutura. Em suma, os resultados obtidos mostram que que a modelagem numérica pode apontar novas soluções que ajudarão a enfrentar os desafios impostos por uma maior sustentabilidade na geração e armazenamento de energia no século XXI. (Springer Link – 11.06.2023) 
Link Externo