quarta, 21 de agosto de 2019

Visão 2013

09 Abril 2019

GESEL na mídia: adoção do horário de verão não faz mais sentido econômico

O coordenador do Grupo de Estudos do Setor Elétrico (Gesel), do Instituto de Economia da UFRJ, Nivalde de Castro, disse que realmente não faz mais sentido econômico a adoção do horário de verão devido à redução do consumo, por conta da recessão econômica. Além disso, ele ressalta que vem entrando em operação novos sistemas de geração, principalmente de energias renováveis como eólica e solar, fazendo com que haja sobra de energia no sistema. O horário de verão era adotado para atender o consumo de energia nos horários de pico que eram em geral no início da noite. Agora, segundo Nivalde de Castro, além do consumo menor e oferta maior, o horário de pico passou para o período da tarde, por volta das 15 horas. “Tem fundamento técnico acabar com o horário de verão. Isto porque a economia não vem crescendo muito nos últimos anos com o consumo baixo. Ao mesmo tempo tem aumentado a capacidade instalada de geração no país com novos projetos principalmente de eólicas e solares”, destacou Castro. (O Globo – 05.04.2019)

Para ler a matéria na íntegra, clique na imagem abaixo: