terça, 21 de novembro de 2017

Visão 2013

04 Setembro 2017

GESEL na mídia: privatização da Eletrobras deverá fazer a tarifa encarecer

A proposta de redução da participação da União na Eletrobras poderá impactar no preço da energia paga pelos consumidores brasileiros. O coordenador do Grupo de Estudos do Setor Elétrico (Gesel), da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Nivalde de Castro, considera que a tarifa de energia vai ficar mais cara porque, como empresa de predominância privada, a Eletrobras deverá transferir os ganhos de produtividade para os lucros. “Para o consumidor, a notícia não é muito boa”, diz o professor. Por outro lado, o professor acredita que a redução da participação do governo no capital da Eletrobras vai melhorar a gestão da empresa. “A Eletrobras foi muito usada como instrumento de política energética, tendo que aceitar investimentos com pouca rentabilidade. Ao passar para o capital privado, ela vai ter uma eficiência muito maior, é uma grande empresa, tem um parque gerador e transmissor muito grande e rapidamente vai ser eficiente”, avalia Nivalde de Castro, lembrando que nos últimos 20 anos a gestão da empresa foi marcada por uma interferência política muito grande. (Ambiente Energia – 03.09.2017)

Para ler a matéria na íntegra, clique na imagem abaixo: